Takenishi consultoria - Gestão empresarial

Mogi das Cruzes


Artigos Takenishi

Comunicação - barreiras presentes no emissor






Em um ambiente de trabalho constantemente ocorrem problemas gerando transtornos, confusões, mal entendidos para a equipe e que achamos que a causa é devido à “falha na comunicação”. E transtornos acabam produzindo atrasos indesejáveis, atritos, conflitos, execução de atividades desnecessárias, etc. Apesar de “acharmos” que a causa está na falha de comunicação, os problemas voltam a acontecer.

Neste artigo descrevemos os princípios básicos da comunicação interpessoal. Trata-se de um tema bem extenso mas, por se tratar de suma importância é imprescindível que a empresa faça “investimentos” na melhoria da comunicação para que obtenha melhores desempenhos com a sua equipe de trabalho. No presente artigo trataremos somente a questão sobre as barreiras presentes no emissor da mensagem.


Definição de comunicação

Segundo o dicionário Aurélio, comunicação é “A capacidade de trocar ou discutir ideias, de dialogar, com vista ao bom entendimento entre pessoas”.

Dicionário Aurélio


Para que uma comunicação possa ocorrer, ao menos duas pessoas precisam estar envolvidas. E segundo o Aurélio, o objetivo da comunicação consiste em haver um bom entendimento entre pessoas. Porém algumas barreiras existentes na fonte emissora da mensagem acabam prejudicando a comunicação eficaz.
Vejamos a seguir as principais barreiras.


Barreiras presentes no emissor

1 - Utilização de linguagem inadequada.

- A linguagem a ser utilizada deve estar coerente com a mensagem que se deseja transmitir, o público alvo, o canal de comunicação a ser utilizado (internet, e-mail, comunicação face a face, etc.)


2 - Diferentes significados.

- Os termos utilizados precisam ser “padronizados”. Um determinado termo pode ter significados diferentes no contexto do assunto a ser tratado.


3 - Características pessoais, tom de voz.

- Pessoas tímidas, tom de voz alto ou baixo acabam propiciando problemas no entendimento da mensagem (mesmo que a mensagem esteja clara e consistente).


4 - Suposição que o receptor domina o assunto

- Procure pesquisar e analisar se o seu público alvo tem domínio do assunto a ser exposto.
- Faça uma adequação das mensagens contidas no assunto a ser tratado para atingir o seu público alvo.

E como podemos agir para eliminar estas barreiras? Os comentários abaixo irão nos auxiliar


Eliminando barreiras presentes no emissor

1 - Colete informações.

- Conheça o seu público alvo. Quais são os seus valores pessoais, preconceitos, níveis de conhecimentos do assunto.
- Procure saber qual o melhor canal de comunicação que se adapta ao momento e à forma de transmitir a mensagem (conversas para os auditivos, demonstrações práticas para os cinestésicos, imagens para os visuais).


2 - Momento apropriado

- Escolha o momento apropriado e a ocasião. Interrupções constantes, ausência de comunicados, quantidade de mensagens a todo instante prejudicam consideravelmente o entendimento do que se deseja transmitir.


3 - Cultura do feedback.

- Incentive a cultura e a rotina do feedback. Esteja preparado para receber críticas e aprender com os erros. E procure dar feedback também. A sua equipe agradece.


4 - Ruídos, bloqueios e distorções.

- Identifique as fontes de ruídos (“alguém ouviu que...”) e procure eliminá-las. Distorções na mensagem podem ocorrer devido a diversos fatores (mensagem confusa, conteúdo inconsistente, etc.). Procure corrigir estas distorções.


5 - Vícios de linguagem (“né”, “então”, “acho”, “tá”, “tipo”, “rs” em e-mail formais)

Identifique os vícios de linguagem, palavras a serem evitadas e faça campanhas de conscientização.


O tratamento dos itens listados acima irá proporcionar uma considerável melhoria na comunicação interpessoal e diminuir a ocorrência de problemas.

Para maiores detalhes, entre em contato com a Takenishi consultoria. A sua parceira nos negócios.

Click aqui e faça o download do arquivo

Retornar ao menu principal

contato@takenishiconsultoria.com.br
(C) 2010 - 2014 Takenishi consultoria